Skip directly to content

Blog

O que é Gota?

O que é Gota?
Sinônimos: Artrite gotosa aguda, Doenças dos reis, excesso de ácido úrico
A gota é um tipo de artrite que ocorre quando o ácido úrico se acumula no sangue e causa inflamação nas articulações.
 
A gota aguda é uma doença dolorosa que normalmente afeta uma articulação.
A gota crônica consiste em episódios repetidos de dor e inflamação que podem envolver mais de uma articulação.
Causas
A gota é causada pela presença de níveis mais altos do que o normal de ácido úrico no corpo. Pode ocorrer se:
Seu corpo produzir ácido úrico em excesso
Seu corpo tiver dificuldade de

Dor no joelho, o que pode ser?

A dor no joelho pode ser causada por uma condropatia patelar que é uma doença degenerativa da articulação do joelho. Ela pode ser conhecida também com os nomes de condromalácea patelar, síndrome da dor patelo-femural ou joelho de corredor.
 
A condropatia patelar provoca dor no joelho ao subir e descer escadas, e seu diagnóstico é feito através de raio-x ou ressonância magnética.

Corrida: mulheres lesionam o joelho sete vezes mais do que os homens

A quantidade de mulheres que praticam a corrida de rua vem aumentando. Desde que a americana Kathrine Switzer correu a Maratona de Boston, em 1967, disfarçada de homem, e quebrou o tabu de que as mulheres não tinham força e resistência para correr os 42km, as mulheres não pararam mais. Elas aderiram ao movimento de saúde e qualidade de vida através da caminhada e corrida. Porém, estudos publicados nos últimos 20 anos mostram que as mulheres não apenas estão se lesionando, mas possuem taxas absurdamente maiores do que os homens.

Lesões dos meniscos são, na maioria, tratados com cirurgia. Conheça o lado bom desse tratamento

O QUE SÃO MENISCOS ?
 
Os meniscos são cartilagens com o formato aproximado da letra “c” que se situam no meio do joelho, atuando como amortecedores de impacto. Cada joelho tem dois meniscos, um do lado medial (interno) e outro do lado lateral (externo). 
 
Sem a presença dos meniscos, os impactos suportados pelo joelho vão atingir diretamente a cartilagem que reveste os seus ossos, levando a um desgaste precoce (artrose), com consequente dor e limitação dos movimentos. 
 
Apesar dos meniscos suportarem bastante peso, eles são vulneráveis aos movimentos rotacionais, como as torções

Condromalácea é a causa mais comum das dores nos joelhos de mulheres

Várias são as causas de dores nos joelhos sem origem traumática. As mais comuns são a artrose, as tendinites e a condromalácea. Esta última, pouco conhecida, é uma patologia do joelho com índice de incidência maior entre as mulheres do que nos homens. Conhecida como cartilagem mole pode acometer mulheres desde a adolescência até a meia idade, que com a falta de informação, muitas vezes não é detectada e tratada a tempo.
 
 
A principal característica clínica da condromalácea é a dor anterior do joelho, principalmente nos movimentos de flexo-extensão, como subir escadas e levantar da

Se o seu joelho “range” ao movimentar a perna, cuidado! Pode ser Condromalácia Patelar

Condromalácia patelar, uma patologia no joelho, também conhecida como síndrome da dor patelo-femural, uma lesão degenerativa na cartilagem da patela, em que ocorre o amolecimento da cartilagem e consequentemente fissuras e erosões

 

Uma lesão frequente em atletas, principalmente praticantes de modalidades esportivas que exigem grande impacto nos membros inferiores, tais como modalidades praticadas em quadra, é a condromalácia patelar, uma patologia no joelho, também conhecida como síndrome da dor patelo-femural, uma lesão degenerativa na cartilagem da patela, em que ocorre o amolecimento da

Por que as articulações estalam?

O colega nervoso força os dedos da mão do seu lado e você ouve: tec, tec, tec. Você agacha para apanhar um objeto no chão e os joelhos fazem "clac". As articulações do corpo, quando forçadas, fazem um som de estalo. Mas por que isso acontece?
 
 
 
 
As articulações são as estruturas que ligam um osso ao outro. Algumas não têm movimento, como as do crânio. As que são articuladas, permitindo o movimento, são chamadas de junturas sinosiais. Elas são envolvidas por uma cápsula protetora, formada por tecido membranoso.
 
Especialistas explicam que as cápsulas articulares são como um

Você sabe o que é artrose?

A artrose é uma doença reumática que degenera os tecidos e a cartilagem presentes nas articulações provocando dor, deformação articular e limitação de movimentos. Também chamada de osteoartrose, ocorre principalmente nas articulações do joelho, coluna, quadril, mãos e dedos, podendo, também, influenciar no aparecimento do bico de papagaio.
 
Acredita-se que a artrose pode ocorrer através da hereditariedade, de anomalias nas células, de alterações metabólicas, traumatismos e fatores mecânicos. A doença é detectada através de radiografias.

Saiba como praticar esportes e manter seus joelhos longe de lesões

Como manter-se longe das lesões
 
A prática segura de atividade física depende de:
 
escolher exercícios adequados para o nível de condicionamento e idade;
realizar um bom alongamento;
fazer progressos graduais, ao longo de semanas ou meses, começando com treinamento leve até condicionar o corpo;
“Não adianta querer correr logo de uma vez. O recomendado é começar pela caminhada e evoluir até a corrida”, alerta o ortopedista.  “Superar limites é sempre uma conquista para quem pratica atividades físicas, mas é preciso zelar pela saúde e não exigir demais do corpo”, explica o dr. Cohen.

Sedentarismo prejudica a saúde dos joelhos

 
Muito se fala sobre a importância da prática de atividades físicas para uma vida saudável, mas pouco ainda se sabe sobre os reais malefícios do sedentarismo para o corpo. Hoje em dia, grande parte da população trabalha sentada e a inatividade, além de comprometer o funcionamento do coração e do pulmão, ainda prejudica os ossos e articulações, como os dos joelhos.
 
Especialstas contam que "Pacientes que ficam muito tempo sentados, com os joelhos dobrados, e os sedentários, que apresentam um fortalecimento muscular inadequado e mau alongamento dos grupos musculares dos membros inferiores,

Páginas