Skip directly to content

FASE I – 1º dia até alta hospitalar– Pós-op.imediato – Atendimento hospitalar.

 

  • Posicionamento do membro inferior operado:é importante NÃO colocar nada embaixo do joelho (travesseiro, almofada);
    inicialmente causa conforto ao joelho do paciente, mas posteriormente irá interferir na marcha e aumentar a dor;
  • Crioterapia - Protocolo PRICE (proteção-repouso-gelo-compressão-elevação) com CRYO CUFF;
  • Exercícios respiratórios (inspirações profundas e expirações lentas), podendo associar-se com movimentos dos membros superiores;
  • Manter o membro inferior operado elevado, e movimentando o tornozelo sempre que possível para ajudar no retorno venoso,
    evitar edema, prevenindo trombose.
  • Depois da retirada dos drenos, sentar o paciente na cama com ajuda.
  • O ganho gradual da amplitude de movimento (ADM) do joelho respeitando o limite da dor, com CPM.
  • Com o andador, realizar a posição estática e assim que possível iniciar o treino de marcha.